Vale a pena ser feliz

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Animação V - Não é só animação americana que vale a pena

Até agora , a ênfase foi dada aos filmes de animação americana, mas é preciso ressaltar que a animação não vive somente dos empreendimentos e artistas americanos. Também a Europa e outros países se dedicaram ao cinema de animação. Basta dizer que o cinema de animação tem suas raízes na França,onde se tem notícia do primeiro filme de animação,com Emile Cohl, com o nome de "Fantasmagorie" (embora já se diga que um russo tenha surgido antes dele - Alexander Shirayev, em 1904) .Parece que ele teve que 'desenhar' no negativo do filme para criar uma espécie de fantasmas ou sombras. A título de curiosidade, achei interessnate compartilhar este vídeo com vocês.


Na França as animações tiveram espaço principalmente com Paul Grimault, com vários filmes, como podem ser vistos abaixo, e que obtiveram grandes aplausos pela suas qualidades. São eles: La Flute Magique(1946),Le Roi et l'Oiseau,Le Messager de la Lumière(1938),Le Petit Soldat(1947), L'épouvantail(1943),La Legende de la Soie(1951),
Le Diamant(1970),Le Chien Molamane(1973)e outros mais.



Os desenhos de René Laloux, em 1973, são os que deram a marca ao cinema francês, entretanto,não foram para frente devido a problemas econômicos.Mas vale a pena assisti-los no video abaixo:



Michel Ocelot realizou em 1998, a sua 1ª longa metragem chamada "Kirikou e a Bruxa( Kirikou et la Sorcière), mas foi com " Os Tres Inventores, uma curta, que ele recebeu o prêmio BAFTA. O filme apresenta bela trilha sonora e riqueza de cenário, tornando-se um presente para os olhos. São seus filmes:» Direção
» Aventuras de Azur e Asmar, As (2006)

» Kirikou - Os Animais Selvagens (2005)

» Kirikou e a Feiticeira (1998)




A infância determinou o destino de Michel Ocelot. O diretor, nascido numa França essencialmente caucasiana em 1943, foi morar na Guiné africana quando tinha seis anos. Encantou-se com as cores fortes e as tradições locais. Cena de "Kirikou e Os Animais Selvagens", uma das principais animações de Ocelot "Minha feliz criação na Guiné alargou minha mente. Estive em contato com cinco diferentes religiões. Até os 12 anos, durante a escola, eu era negro; durante as férias de verão, era branco de novo", afirma, em entrevista antes de chegar ao Brasil, onde foi homenageado no Anima Mundi 2009.



O famoso estúdio francês "Folimage", fundado em 1984 por Jacques-Remy Girerd, que produziu "O Pequeno Circo de todas as Cores"(ganhou o César de melhor curta)também produzou outros filmes, tais como: "O Castelo dos Outros" de Pierre-Luc Granjon, "O Príncipe Pequeno Demais" de Zoia Trofimova. Ainda sob o auspícios de Jacques-Remy, em 1999 realiza o filme "O Rabo do Ratinho" de Benjamin Renner e outros, como:"Migração Assistida"(Pauline Pison)," Bob"(Jean-Pierre Poirel)," Sem Nada por Baixo"(Dewi Noiry)," Tantos Cães"(Stephane Ricard). São filmes recomendados: Mia et le Migou, e A Profecia dos Sapos. Abaixo alguns vídeos:



Après la Pluie” é uma animação produzida em 2008 para fim de estudos, por Charles-André LEFEBVRE, Manuel TANON-TCHI, Louis TARDIVIER, Sébastien VOVAU, Emmanuelle WALKER. Produzida pela l’école des Gobelins. São filmes surrealistas.( extraidos de http://gomademascar.virgula.uol.com.br/category/animacao/

http://virb.com/pablopico/videos/1761259

Muzorama from Muzorama Team on Vimeo.

O que merece destaque são as histórias de Hergé, o criador de Tin-Tin e o seu cachorro Milu. Hergé é , antes de tudo, um cartunista idolatrado na França e Bélgica(seu país de origem) e realmente suas histórias e desenhos em quadrinhos são fantásticas. Espero que vocês gostem de compartilhar a série das aventuras de Tin-Tin que extraí do Youtube.


As animações de" Asterix, o gaulês e Obelix" são criações de Albert Urdezo e René Goscinny, que são histórias em quadrinhos com uma riqueza de detalhes nos desenhos, sendo sua arte admirada no mundo inteiro. A animação veio em consequência dos quadrinhos, mas interessante que não obteve tanto sucesso. Abaixo, uma coleçao de vídeos.



Aqui um link para ver um "live-action" considerado o melhos sobre essa dupla Asterix e Obelix.
http://www.cinecriticas.com.br/?p=1341

Os filmes franceses foram considerados os melhores no Anima Mundi 2009.

Também o já citado Persépolis(post anterior) fez e faz grande sucesso no cinema.

Consulte o blog abaixo para ver um lançamento do diretor Christian Volkman, que recebeu o título de "Renaissance"(animação para adulto, com a técnica motion-capture).
http://www.websapiens.com.br/zomb1e/blog/renaissance-filme-de-animacao-futurista-para-adultos/

Pode-se dizer que as animações francesas estiveram no topo dos filmes europeus, sendo que atualmente a França é o primeiro produtor de filmes animados na Europa e o terceiro do mundo, dando passagem para o Japão e Estados Unidos. O domínio de diversas técnicas e o talento dos cineastas e cartunistas franceses fazem com que a animação tenha um forte desenvolvimento nesta arte.


Levic

terça-feira, 28 de julho de 2009

Animação na TV- 2ª parte- também vale a pena!


Um dos mais populares desenhos animados do mundo é o Pica-Pau, um folgado e divertido pássaro que divertiu gerações e, ainda hoje, continua a fazer muito sucesso na TV - atualmente passa na Rede Record.

O Pica-Pau é um personagem de desenho animado criado em 1940 pelo cartunista Walter Lantz e distribuído pelos Universal Studios.

Ele surgiu em 1940, mas na TV ele ganhou fama nos anos 60, época que conseguiu um programa próprio.

Os desenhos da MGM estiveram sob a custódia de Sib Tower 12 Productions, empresa também conhecida como o departamento de animação da Metro-Goldwyn-Mayer ou MGM Animation/Visual Arts, que nada mais é do que um estúdio de animação criado em 1962 pelo animador e diretor Chuck Jones. Este nome é lembrado pelas séries de Tom e Jerry, em nova versão.

Em 1950, Charles M. Schulz criou a história de um cachorro da raça 'Beagle' com uma turma de crianças chamada"Peanuts", e Snoopy é o cãozinho de estimação de um deles, que é o Charlie Brown.
As tirinhas de desenhos vieram parar na TV como desenho animado. A história mostra um mundo real com derrotas e vitórias. Na verdade, o Charlie Brown é um garoto que só experimenta o dissabor dos fracassos- é um carinha que nunca conseguiu chutar uma bola.

O Gato Félix( Felix the Cat), criado no tempo do cinema mudo por Otto Messmer obteve um sucesso mundial (antes do Mickey Mouse), como um dos desenhos mais famosos.

Joe Oriolo deu a este personagem um novo impulso com um imaginário mais rico. Então, na década de 50, o mesmo Joe Oriolo foi o responsável pelas séries na TV. No Brasil a série foi apresentada em vários canais de televisão.


Os "Smurfs"(Estrumpfes) são personagens criados pelo ilustrador belga Pierre Culliford, mais conhecido como Peyo.

Em 1981 foram trazidos para TV por Fred Silverman, diretor da NBC Network e depois os estúdios de Hanna-Barbera fecharam um contrato para produzirem os seus personagens em desenhos.

Já em 1983 chega até nós os desenhos japoneses(mangás e animes) transportadospara as telas de televisão, tornando-se uma invasão, desde Astro Boy até Homem de Aço, Ken o garoto selvagem,com vários nomes de desenhistas. Desde então, o Japão passou a ser considerado como sinônimo de desenho animado.

Em 1986, surgiram os mangás com a história de
Os Cavaleiros do Zodíaco, cujas aventuras foram transfeidas para desenhos animados.

Em 1987 aparecem As Tartarugas Ninjas, que são 4 tartarugas mutantes. As Tartarugas Ninja foram criadas por Kevin Eastman e Peter Alan Laird, dois artistas de quadrinhos independentes norte americanos . Pois bem, eles transformaram as tartarugas em uma história em quadrinhos, mataram o maior vilão da série logo no primeiro número e eventualmente um estúdio de animação viu o potencial dos personagens para serem transformados em série animada e assim foi feito.


O desenho dos tartarugas estreou na televisão estadunidense em 1987 e o resto é história de sucesso.

Qualquer pessoa que gosta de desenhos já ouviu falar dos mangas e animes, cujos traços são de olhos bem grandes e cabelos coloridos. Mas será que é só isso? Os desenhos são de uma delicadeza e de tal forma caprichada nos detalhes que encantam sobremaneira. As histórias dos garotos (mangas)são de lutas e batalhas defendendo algo. As dublagens merecem atenção.

Este mundo da animação é muito vasto e, sem dúvida, falta falar de outros artistas desenhistas e de outros personagens, como Os Super-Heróis da figura abaixo


e a coqueluche para as meninas que foi o desenho das Meninas Superpoderosas.

Mas... quem pode esquecer da Pantera Cor de Rosa? http://www.tvsinopse.kinghost.net/p/pink2.htm

O link abaixo é de um blog que focaliza os desenhos dos quais não falei que vale a pena ver.
http://www.arcadovelho.com.br/Desenhos_Antigos/listagem.htm

E outros maravilhosos:
http://bloganima.wordpress.com/percursores/

http://pipocacombo.virgula.uol.com.br/tag/igor/


http://baconfrito.com/as-animacoes-que-fizeram-historia-na-decada-de-90.html


http://grupoaudienciadatv.wordpress.com/2009/06/09/portal-kids-1%C2%B0-parte/


http://www.anime.com.br/blog/2009/04/anima-tv-anuncia-os-18-projetos-selecionados/

Com certeza faltou enquadrar aqui a série de TV " Os Padrinhos Mágicos", que vai abaixo:



Levic

segunda-feira, 27 de julho de 2009

Animação IV , na TV também vale a pena !

De assunto em assunto, de lembrança em lembrança, eu vim parar nos desenhos de TV. Olha só... Mas é claro que eles não podem ser esquecidos, pois encheram os lares de alegria de muita gente com ou sem crianças. Os desenhos de tv também tiveram uma evolução que marca como siginificativa a década de 90.

É certo dizer, porém, que logo a partir do advento da TV os desenhos animados tomaram parte da programação, com intenso espaço para eles.

O nome de Joseph Barbera que , junto a William Hanna, formou a cia Hanna-Barbera ficou sendo sinônimo de desenho animado na TV durante o século 20. Joe BArbera começou sua carreira de desenhista em 1911, mas somente em 1937 com a Metro-Goldwyn-Mayer ele se juntou a W. Hanna, criando a famosa dupla Tom e Jerry.

Em 1957 os dois fundaram a companhia Hanna-Barbera, sob o impulso do surgimento da televisão e com isso eles produziram mais de 3000 desenhos animados de curta duração, durante os 60 anos de atividade da companhia. Os desenhos eram originais e divertidos com personagens memoráveis que ainda estão na lembrança de todos.

Haahh! Quanta saudade, não é Scooby!
Haahh! Quanta saudade Scooby! Daquelas tardes depois da escola, nem tirava o uniforme, nem almoçava. Ligava a TV e deitava na poltrona para assistir ao Zé Colméia e Catatau, Plic, Ploc e Chuvisco, Manda-Chuva e sua turma, Pepe Legal e Babalu, Penélope Charmosa, e...
É maravilhoso viajar ao passado na companhia de todos vocês e poder relembrar estes extraordinários desenhos animados, que marcaram uma importante época de nossas vidas, a infância. E se por um acaso você se emocionar, não se assuste, é a criança que ainda existe dentro de nós e que nunca irá nos deixar.

Veja, quantos personagens eles criaram, cada qual com uma série de desenhos.

http://www.hannabarbera.com.br/hb.php

O site acima mostra todos os desenhos. É uma beleza! Se você quiser recordar é so ir lá.

Hanna-Barbera A Corrida EspacialA Família AddamsA Feiticeira FaceiraAs Aventuras de GulliverA Formiga AtômicaA Tartaruga TouchéBacamarte & ChumbinhoBibo Pai & Bóbi FilhoButch CassidyCapitão CavernaCarangos e MotocasCareta & MutretaCavalo de FogoClue ClubCoelho Ricochete e Blau-BlauCorrida MalucaDevlinDinamite, o BionicãoDom PixoteElefantásticoÉ o LoboEsquilo Sem GriloFrankenstein Jr.Galaxy TrioGodzillaGoober e Os Caçadores de FantasmasHomem-PássaroHong Kong FuJambo & RuivãoJana das SelvasJeannieJoão GrandãoJonny QuestJosie e as GatinhasJuca Bala e Zé BolhaKORG 70000 A.C.Laboratório SubmarinoLeão da MontanhaLippy & HardyLula LeléLupe LebôMaguila, o GorilaManda-ChuvaMáquinas VoadorasMatraca e FofoquinhaMosquito, Mosquete e MoscardoO Fantasminha LegalO Patinho DuqueO Poderoso MightorO Quarteto FantásticoO Urso do Cabelo DuroO Vale dos DinossaurosOlho-Vivo e Faro-FinoOs Apuros de PenélopeOs Brasinhas do EspaçoOs Cavaleiros da ArábiaOs FlinstonesOs HerculóidesOs ImpossíveisOs JetsonsOs MussarelasOs RobobosOs SmurfsOs TremendõesPac-ManPapai Sabe NadaPepe LegalPeter PotamusPlic, Ploc & ChuviscoPolícia DesmontadaRiquinhoSansão e GoliasShazzanSimbad Jr.Scooby-DooSpace GhostSuper AmigosThe New ShmooTreme-TremeTutubarãoUrsuatVovô Viu a UvaWally GatorXodó da VovóZé BuscapéZé Colméia( extraido do Wikipedia

Existem pessoas que não gostam de desenho animado. É... temos que respeitar. Por isso, eu coloquei o link abaixo, para ver outras opiniões.
http://veja.abril.com.br/310107/mainardi.html

Por outro lado tem gente que gosta tanto que até criou um blog, só com os desenhos desta dupla.
Dá uma olhadinha, porque vale a pena.
http://hannabarberaworld.blogspot.com/

E um outro também:http://www.gpdesenhos.com.br/hannabarbera.htm

O trabalho de dublagem dos desenhos animados sempre me chamou a atenção e tenho na memória até hoje a voz de Lipp e Hardy (o leão otimista e a hiena pessimista), do Manda-chuva e outros. Daí que fiquei contente quando encontrei uma entrevista com Lima Duarte, a qual gostaria de compartilhar com vocês.
http://www.hannabarbera.com.br/entrevis/lima.htm

Agora, para assitir aos vídeos vá ao blog abaixo. Beleza! Muito fácil.
http://www.oyo.com.br/seriados-e-tv/infantil/hannabarbera/fotos-videos/

Depois do falecimento de William Hanna em 2001 e com a morte de Joe Barbera encerra a era de ouro dos desenhos animados desta companhia, sessenta anos após ter começado o seu trajeto, o que constitui uma sobrevivência notável do estilo e do desenho. Seus desenhos vão para o rótulo de Cartoon Network Studios.

Mas não é justo falar somente de Hanna-Barbera. Outros desenhos também maravilhosos permanecem vivos até hoje, como o caso do marinheiro Popeye, que surgiu de história em quradrinhos, criado por Elzie Crisler Segar, em 1929. Hoje seus desenhos são de domínio público, como mostra a notícia.

Ocupa posição de destaque a Warner Bros na produção de desenhos, que desde 1930 vem lançando personagens como Pernalonga, Patolino e outros levando-os ao estrelato e aí entra em cena o grande animador Tex Avery.



Seus personagens mais famosos são: Pernalonga (Bugs Bunny), Patolino (Daffy Duck), Gaguinho (Porky Pig), Piu-Piu (Tweety), Frajola (Sylvester), Frangolino (Foghorn Leghorn), Papa-Léguas (Road Runner), Coiote (Wile E. Coyote), Hortelino Troca-Letras (Elmer Fudd), Eufrazino Puxa-Briga (Yosemite Sam), Ligeirinho (Speedy Gonzalez), Pepe (Pepe Le Pew) e Taz (Tasmanian Devil). Veja seus desenhos:


http://picasaweb.google.com.br/ledavicter/WarnerBrosDesenhos?authkey=Gv1sRgCIOBraCQ57m6_wE&feat=directlink


A Warner Bros. convidou Steven Spielberg para produzir desenhos, na chamada renascimento da animação, nos anos 90, que recebeu o nome de Animaniacs e que fez grande sucesso, tendo até os capítulos liberados para fazer um DVD. Deixo um vídeo da apresentação desta série:



Amanhã continuo, com a 2ª parte de Animação na TV. Tchau!

Levic

domingo, 26 de julho de 2009

Animação III 2ª parte Animação para adulto

Annecy é uma linda cidade francesa, perto da fronteira da Suíça, onde se realiza anualmente o Festival de Annecy dedicado à arte de animação. Desde 1960, reúne grandes nomes que se apresentam com as novidades dessa arte, que cada vez mais ganha espaço no cinema. Este festival é considerado o mais importante evento de animação do mundo, e portanto seu vencedor ganha muita fama.

Os filmes Valsa com Bashir e Persépolis provaram que o cinema tem público para assistir desenho animado, e a noção de que filme de animação é para criança já perdeu este significado. Só que isso não aconteceu de repente... Toda uma longa história da animação( que antes ficava sob o dominio da Disney e dedicada, sem dúvida, ao público infantil) mostra criadores que marcaram suas películas de animação para os adultos, explorando, entretanto, o underground do palco de exibições, isto é , com histórias de "sexo, drogas e rock'n'roll". Hoje os filmes de animação não precisam se esconder em roteiros alternativos, porque o espaço que foi aberto permite qualquer tipo de história.

Em 1989 surgiu uma animação , inicialmente para tv, que depois ganhou uma longa metragem e que vai dominar por muito tempo ainda, porque introduz cenas do cotidiano do homem comum americano vivendo no mundo atual.
É... eu estou falando dos Simpsons. Os aspectos psicológicos que aborda são de extrema identificação com a fragilidade do ser humano, diante de lidar com os seus sentimentos e emoções. Eu diria que Homer é um 'filósofo' e a classe média americana é colocada nas histórias com todas as suas mazelas.

O criador desta série é Matt Groening, cujo sucesso só foi alcançado depois de uma árdua caminhada.

Estou deixando o link abaixo, caso você queira visualizar os diversos clipes desta série.
http://www.mundofox.com.br/br/videos/os-simpsons/o-casamento-de-lisa/26774744001/

Tem também o wiksimpson, que é ótimo.
http://pt.simpsons.wikia.com/wiki/Wedding_For_Disaster


Uma outra série muito controvertida pela crítica é a Beavis and Butthead, criada por
Mike Judge.
Mik» Idade: 46 anos
» Nascimento: 17/10/1962
» País de nascimento: Equador
» Local de nascimento: Guayaquil deJudge
( ele também foi o criador do Rei do Pedaço).foto de Mike Judge Mike Judge

Cada história mostra uma dupla de adolescentes chamados de Beavis e Butt-head, que moram numa cidade com o nome de Highland, uma cidade fictícia em algum ponto da América do Norte. O interessante é que estes adolescentes assistem tv e o desenho é intercalado com o que eles estão vendo na televisão e os comentários que os mesmos fazem. Este cartunista já preparou uma outra série de desenhos, desta vez com personagens opostos, personagens 'vegans'.

Ver a coleção de vídeos abaixo:




A animação chamada South Park foi criada por Matt Stone e Trey Parker, que tem como estrelas 4 garotos que falam palvrões a todo momento, com declarada crítica à sociedade americana. Até o presidente Lula virou personagem da série. Veja abaixo:



Agora, uma amostra do desenho:

"Wall-E" (Pixar), será um marco na história do cinema por levar a animação para adultos a um outro patamar. O grande público começa a perceber que esta mídia dialoga bem com o espectador mais maduro, de forma densa e sensível, esclarecendo à massa que desenhos para adultos não precisa conter só sexo e outros assuntos 'marginais'.

O filme, dirigido por Andrew Stanton, teve seis indicações ao Oscar, entre elas as de Melhor Roteiro, Melhor Trilha Sonora e Melhor Longa de Animação. Além disso, concorrendo nesta última categoria, faturou o Globo de Ouro, o Bafta --a maior premiação do cinema britânico-- e o prêmio da associação nacional de críticos americanos (National Board of Review).

Nesse aclamado longa, Wall-E é o último dos robôs deixado na Terra pela humanidade para desentulhar e limpar o planeta. Sua vida se resume a compactar o lixo e a colecionar objetos curiosos que encontra durante o trabalho, até que um dia uma nave aparece com Eva, um moderno robô por quem o herói logo se apaixona.

O encontro das duas máquinas leva ambos a uma aventura espacial que mistura romantismo, ternura e crítica social. Com 103 minutos de duração, o filme demorou quatro anos para ficar pronto. Os encarregados de rodá-lo foram os estúdios Pixar, criadores de outras pérolas da animação como "Toy Story" (1995), "Procurando Nemo" (2003) e "Ratatouille" (2007).



O filme que estreia este ano ainda, do diretor Christian Volkman é desse tipo adulto - é um ficção científica, um filme futurista chamado "Renaissance".

Agora, o filme que é o marco da animação é o 'Wall-E" porque ele consolida, então, a revolução nas animações dos grandes estúdios, iniciada com Shreck.

Para ver algum trecho do filme, clique no link abaixo:


http://adisney.go.com/disneyvideos/animatedfilms/wall-e/flash_site.html

O filme de animação stop-motion chamado Corpse Bride - A Noiva Cadáver - fez o diretor Tim Burton assinar mais um filme de animação para adulto, como já tinha feito em "O Estranho Mundo de Jack", outro filme de animação. Ele fará nova versão de Alice, o livro de Lewis Carroll.

E, por último, o filme Coraline. É a história de uma garota entendiada que encontra, por acaso, uma porta secreta que a levará para uma vida alternativa. É uma novela de terror escrita por Neil Gaiman, em 2002, e foi comparada a "Alice no país das Maravilhas" de Lewis Carroll por causa do seu surrealismo. Veja a ficha cinematográfica do filme e o seu trailer. A crítica é bem favorável ao filme.



Levic

sábado, 25 de julho de 2009

Animação III...vale a pena, com certeza!

É mesmo!... Desculpe se eu insisto, mas é que ainda tem assunto...É que eu me lembrei de que os filmes de animação, principalmente nos dias de hoje, estão sendo dirigidos aos adultos. Achei, neste sentido, muito oportuno colocar um vídeo que fala bem sobre isso, extraido do Youtube. Veja abaixo:



O pai do cinema de animação foi considerado sendo Emile Cohl, com o filme "Fantasmagorie", em 1908. A origem do cinema animado, hoje, já tem a sua controvérsia.

A série de Flip the Frog, criado por Ub Iwerks, foi o primeiro desenho colorido, em 1930. Veja o vídeo abaixo:



Fiz uma compilação deste herói, o Flip, para ser visto em seguida. Este sapo assume posturas de sedutor, fanfarrão, vagabundo e sucumbido aos poderes de sua namorada "irresistivelmente" sedutora. Muitas cenas sobressaem os aspectos eróticos dos filmes. Alguns desenhos já estão em nova versão, com outro desenhista-Eric Schwartz.




Novamente volto a falar de Betty Boop. É que esta personagem revolucionou o cinema de animação com o seu jeito provocante e sensual de dançarina, obtendo sucesso enorme. Seu criador, Max Fleischer, teve que lutar com a censura da época para continuar com o seu trabalho. Mas hoje, Betty com quase 80 anos, continua encantando a todos, porque seu desenho é perfeito no que quer transmitir com um misto de provocação e ingenuidade.
O resumo abaixo expressa bem a sua história.

A história de Betty Boop!
Criada na década de 30 (1930) a sexy Betty Boop foi um dos maiores sucessos dos irmãos Fleischer. Sua primeira aparição foi em Dizzy Dishes, um desenho animado estrelado pelo cachorrinho Bimbo e teve a primeira criação de Betty para ser sua namorada. Ela tinha cacterísticas caninas; orelhas longas de cachorro e nariz redondinho e preto. Mas acabaram tranformando suas orelhas em brincos de argolas e o nariz passou a ter formato em nariz humano. Logo sua popularidade ultrapassou a de Bimbo, tornando-se personagem principal nos desenhos. Aparecendo pela primeira vez como humana em 1932 no desenho Any Rags. Com esse seu jeitinho atraente conquistou muitos fãs!

Entre os personagens que integravam "Betty Boop" os que mais se destacavam eram: Grampy, um divertido inventor, que apó colocar seu 'chapéu pensante' , conseguia resolver qualquer problema , Koko o palhaço e Pudgy o cachorrinho da Betty.

Se você quiser ver a cronologia da Betty Boop, clique no link abaixo:

http://www.google.com.br
/archivesearch?q=betty+boop+historia&scoring=t&hl=pt-BR&um=1&nav_num=50


Para empolgar, alguns vídeos foram condensados em uma única tela. Vale a pena dar uma olhada para notar , principalmente, os traços nos desenhos e o seu erotismo.



Notando o erotismo nos desenhos, está na hora de citar a animação erótica que toma vulto no nosso país. Todo ano tem um festival de desenhos eróticos que são bem assistidos pelos apreciadores e críticos de filmes.

Confira um dos filmes que participaram do festival.
video

O nosso país também criou desenho animado para adulto que se chamou Fudêncio, que pouca gente viu. Este desenho foi criado por Thiago Martins, Pavão e Flavia Boggio. Trago aqui para vocês vários capítulos:


Um outro artista que fez" Wood & Stock-Sexo, Drogas e Orégano" que é o Otto Guerra, tem o seu filme baseado nos desenhos do cartunista Angeli, e sendo apresentado , de novo, no Anima Mundi deste ano. Este cineasta tem vários trabalhos neste campo. Angeli publicou seus quadrinhos em várias revistas. Veja o vídeo e tire conclusões.



Um outro tipo de desenhos que também trouxe novidades foi os da UPA( Produtores Unidos da América), com relevância nessa indústria nas décadas de 40 e 50, pois revolucionaram com a criação de um estilo próprio radicalmente diferente dos desenhos da Disney. Eles não queriam usar desenhos de animais engraçadinhos e sim personagens humanos, criando então o Mr. Magoo( um homem velho e míope). Seu criador faleceu este ano e deu notícia nos jornais.
Quinta-feira, Março 19, 2009
MR. MAGOO

Morreu o criador da personagem de animação Mr. Magoo, ou o Pitosga, um milionário míope que fez as delícias de muitos de nós.

O escritor e guionista Millard Kaufman, criador deste interessante personagem de animação, faleceu aos 92 anos em Los Angeles.

Diversos talentos da UPA foram citados na lista negra como comunistas e foram, portanto, perseguidos. A saída de alguns desses talentos prejudicou claramente a qualidade das produções da UPA. Veja o desenho de Mr. Magoo.



Os desenhos animados criados por Ralph Bakshi já apresentam um explícito conteúdo adulto. Fritz the Cat é o retrato do malandro urbano que se vira sem nenhuma ética ou moral , a sua maneira, dentro dos problemas das cidades. Fica abaixo, para quem quiser, o filme "As nove vidas de Fritz, o gato".



Toda a série HQHeavy Metal, que desde de 1977 vem se apresentando com suas histórias picantes e emolduradas de cenas de violêmcia e de erotismo, promete uma nova adaptação para o cinema, embora já tenha sido anunciado o seu cancelamento nos estúdios (Paramouth Pictures).
Assista abaixo o trailer lançado em 1981 e, em seguida, a última versão de 2000.







É... parece que eu tenho que fazer uma segunda parte deste post , pois quero falar de outros desenhos que foram muito importantes. Até amanhã.

Levic

sexta-feira, 24 de julho de 2009

Animação II... também vale a pena

Falar de filmes de animação não se esgota somente com alguns comentários, sendo totalmente impossível abarcar todos os seus aspectos, pelo menos aqui neste blog. Mas ainda ficaram alguns tópicos que precisam ser descritos.
A história dos filmes de animação remonta ao século 20 e inegavelmente foi o Walt Disney o grande revolucionário desta arte. Este homem nasceu em 1901 e faleceu, aos 65 anos, em 1966, tendo deixado um legado de filmes maravilhosos. ( ver a parte de cronologia).

A carreira de Walt Disney como cineasta sempre foi norteada pelo seu lema "Keep moving forward"( continue seguindo em frente), pois teve algumas crises financeiras e outros problemas profissionais. Entretanto, foi a sua ousadia em fazer uma longa metragem com desenhos de animação - o filme Branca de Neve - que lhe deu rendimentos necessários para montar um novo estúdio mais equipado e mais moderno.

Este desenho que encantou pessoas durante décadas (e até hoje também) tem uma passagem que vale a pena colocá-la no trono. Vê só embaixo:



Daquela época até nossos dias, muitos filmes chegaram até nós e cada qual melhor que o outro. A Disney acaba comprando a Pixar e aí a qualidade é de espantar, com toda tecnologia moderna e enredo com interesses atuais. Para fazer uma retrospectiva dos melhores filmes de animação, encontrei um ótimo vídeo no Youtube, o qual faz nossa memória se revigorar e se deliciar lembrando dos momentos apresentados.




E quais são os 15 melhores filmes de animação? Veja no blog abaixo:

http://vidaordinaria.com/2009/03/os-15-melhores-filmes-de-animacao-dos-ultimos-10-anos/


Para mostrar as melhores passagens de alguns filmes , não posso deixar de mostrar uma (do filme 'Uma Cilada para Roger Rabbit) que é magnífica em todos os detalhes, mas principalmente pela acentuação que dá ao erotismo.


Neste sentido, preciso também deixar aqui um pouco das insinuações de sedução de Betty Boop.Linda, linda, linda!




Agora está na hora de mostrar as animações brasileiras. Tem muita gente boa, levando esta bandeira à frente. Ver abaixo que o vídeo tem vários numa mesma tela; ele vão passando automaticamente, se você quiser. Então, tem pequenos trechos de : Sinfonia Amazônica, O Grilo Feliz, Minhocas, Cassiopeia, Piconzé, Garoto Cósmico, Mônica e sua turma e ainda um que não é infantil, que é Wood & Stock, Orégano e Sexo.




Certamente, o filme de animação foi o gênero que passou por maiores mudanças nesses últimos anos. Desde Branca de Neve e os Sete Anões, de 1937, até Shrek 2, de 2004, as mudanças ressaltam aos nossos olhos.
Partindo do pressuposto no qual o quesito da qualidade técnica do cinema evoluiu como um todo,hoje há duas grandes produtoras de animação, que são: Disney com Pixar e Dreamworks.
Parece que esta última está sendo comprada pela Disney. Monopólio.

O sucesso dos filmes de animação é tão grande que, a cada ano, são lançados novos filmes.

Levic

quinta-feira, 23 de julho de 2009

Animação... Vale a pena!

Não é qualquer animação... O que eu quero mesmo é falar de filmes de animação. Como gosto desses filmes! Aliás, eu sempre babei em cima de quem desenha, talvez mais até do que a pintura. A pintura tem um significado metafórico ( entre outros), com linguagens mais profundas e complexas do seu entendimento para evidenciar sua visão do mundo. Já os desenhos são mais simples e diretos, com uma mensagem já decodificada pelos seus elementos. Isso sem falar no grafismo que é talvez o mais puro e cru, mas marcantemente artístico, pois em poucos traços têm que expor algo. As crianças que não sabem tão bem usar a simbologia das palavras, são frequentemente acometidas do impulso de desenhar, principalmente usando o grafismo, para expressar melhor os seus sentimentos.

Hoje, com a moderna tecnologia digital, os desenhos passaram a ter movimentos mais naturais, gestos e expressões fisionômicas bem mais elaborados. A semana do Anima Mundi, que se realizou no Rio de Janeiro e agora estando em São Paulo vale a pena ser curtida.
Neste ano, o Anima Mundi vem com muitas novidades.

Na verdade, eu gosto de assistir filmes, vídeos, músicas com animação e curto demais os filmes de longa metragem, como está agora nos cinemas A Era do Gelo III. Eu os tenho todos em minha coleção de vídeos( quase todos, porque me faltam os franceses e italianos principalmente),mas tenho todos os de Walt Disney desde os primeiros até os últimos com a junção ao Pixar.

Os desenhos japoneses são maravilhosos e o estilo do desenho é lindo e inovador( mangá e animes). Veja abaixo como ele são lindos!




Também preciso ressaltar os desenhos de Mauricio de Souza ( genial), com suas histórias que até os adultos se interessam. Isso sem falar na Betty Boop, que é o protótipo da sensualidade em desenho.

E tem também os livros de histórias em quadrinhos e as tirinhas que vem nos jornais e revistas e ainda as caricaturas, que são INCRÍVEIS. A genialidade do artista se revela abertamente.

Sobre isso eu indico os blogs:

http://dramirezblog.blogspot.com

http://cristovaovillela.blogspot.com

http://desenhoecompanhia.blogspot.com

http://www.desenhovoce.com/

http://tirasnacionais.blogspot.com/2009/07/tirinha-mutum_21.html

http://uriadriano.wordpress.com/2008/09/30/desenhos-infantis/


http://comycs.blogspot.com/

Dentre os livros e revistas brasileiros e estrangeiros existem vários. Mas eu destacaria Asterix, o gaulês- As Aventuras de Tintim- e os de Mortadelo - são especiais com desenhos bem característicos de cada ilustrador. Mas isso fica para outro dia...

O que eu quero mostrar hoje, como vale a pena, são os nossos artistas, muitas vezes anônimos, que fizeram animação para músicas conhecidas. Muitas ficaram engraçadinhas e o desenho pueril deu um encanto especial.

Selecionei 12 músicas que usaram o grafismo( provavelmente usando o pobre recurso do paint) com música que vale a pena ouvir. As músicas foram retiradas do Youtube e eu coloco entre parênteses o possível autor da façanha artística. São elas:

1ª parte: músicas que usaram o grafismo

1-Como é grande o meu amor por você- Roberto Carlos (rbdoliveira)
2-Bom senso- Tim Maia (luizberger)
3-Eduardo e Mônica- Renato Russo (mtlemos)
4- João e Maria - Chico Buarque (Nefelibata 82)
5-Codinome Beija-flor- Cazuza (Iranmola)
6-Malandragem- Cassia Eller (luajeniffer)
7-O pato- João Gilberto (erikalobbo)
8-Mais que isso - Ana Carolina (tykas 2xp)
9-Pensando em você- Paulinho Moska (fbinhotravassos)
10-Tiro ao Alvaro- Adoniran e Ellis (cr7carol)
11-A maçã- Raul Seixas (julipicchetluzi)
12-Velha Infância - Tribalistas ( luajeniffer)
13- Balada do Amor Inabalável- Skank (nandicaf)


Como escolher é difícil porque gostei de muitos e assim selecionei também uns com desenhos mais elaborados, que eu estou doida para aprender a fazer.
Veja então:
1- Segredos- Frejat (guerjack)
2- O caderno- Toquinho/Chico Buarque)
3- Dizem que sou louco- Hyldon (HalMed)
4- Túnel do Tempo - Frejat (guerjack)
5- Pedro Pedreiro- Chico Buarque (erkjoazeiros)
6- Só Hoje- J. Quest (natynaty2008)
7-Inverno- Adriana Calcanhoto (alexandremellodesouza)
8-Mina do Condomínio- Seu Jorge (condadocarlos)
9-Aquarela- Toquinho (melindrousa)
10-We will Rock You- Queen
11-Oceano- Guilherme Arantes (guilhermearantes)
12-Domingo no Parque- Gilberto Gil (streetpictures).


E para finalizar deixo essa animação francesa com a música " A quoi ça sert l'amour"( para que serve o amor).


Tchau!

Levic